Há muito o que se dizer sobre a importância de ir ao encontro de seus grupos de interesse na Internet. Mas muito mais importante do que alcançar pessoas por uma mensagem é saber estabelecer uma rede de relacionamentos

Gosto muito das teorias conspiratórios que o empresário da geração offline cria sobre a Internet. “Ah, não é pra mim”, “isso é coisa de jovem”, “comigo a conversa é olho-no-olho”. Opa, paremos nesse último parecer para entendê-lo melhor.

Fato número 1: não há estratégia de relacionamento com o cliente mais eficaz do que a conversa olho-no-olho. Pode perceber o quanto a venda pessoal, aquela de porta em porta ou aquela do vendedor de assinaturas no meio da rua, continua sendo valorizada. E valorizam porque funciona, converte pessoas em clientes e isso é muito importante.

 Fato número 2: as estratégias de comunicação via Internet são proporcionalmente menos eficazes, mas muito mais baratas. Imagine quanto a Yakult gasta em salários de suas representantes  de venda? Muita coisa, muito mesmo. O belo da Internet é que ela não tem limites, basta ter bom senso, inteligência e criatividade. Com um pouco de planejamento estratégico é possível encontrar um lugar para seus relacionamentos profissionais na Internet em complemento as relações interpessoais diretas. E o que é melhor: esse complemento, quando bem realizado, consegue buscar novos nichos de mercado, elevar a reputação da marca, interferir na escolha daquele consumidor indeciso entra este ou aquele estabelecimento.

Fato número 3: temos que nos preparar para uma nova geração de consumidores com fobia ao contato direto.  Faz parte do espírito das grandes cidades exaltar a impessoalidade, o apartamento, e a Internet cumpre a função de intermediar essa falta de vontade de se aproximar. Infelizmente ficou para trás aquela forma legal e saudável de criar uma relação de confiança entre o consumidor e o comerciante que, muitas vezes, ia além da relação meramente mercantil. Ficou para trás mas como o auxílio das novas mídias é bem possível evocar alguns principios desse tipo de comunicação. Afinal, ainda que a tecnologia e os procedimentos sejam outros, ainda estamos falando de diálogo.

Fato número 4: se você perguntou a si mesmo após ler a última frase quais “princípios” são esses que podem ser evocados do passado, eu lhe respondo: assim como na vida real, ser relevante na Internet depende muito de quem o indica. Tendo um blog, por exemplo, o permite conectar-se com blogueiros interessados nos mesmos assuntos.  Estes, por sua vez, podem linkar e recomendar seu blog e consequentemente estarão propagando seu empreendimento para redes de relacionamento que você jamais atingiria sozinho.

E a coisa não para por aí. Já parou pra pensar em como certos endereços aparecem mais na primeira página Google do que outros? O segredo está justamente no relacionamento. Um dos critérios mais importantes para rankear a relevância dos sites é a quantidade de vezes que um determinado site foi linkado por outro. Mas o importante não é apenas ser citado, pois cada “linkagem” tem um valor. Ser linkado por uma entidade de classe, por um portal noticioso ou por um blogueiro com grande credibilidade no seu ramo de negócio trará muito mais relevância ao seu blog. Isso não significa, porém, que devemos ignorar os blogs e sites com menor reputação. Todo relacionamento na Internet é importante. Funciona bem naquele esquema “unidos venceremos”.

Fato número 5: as pessoas ainda gostam de ser lembradas, de se sentirem importantes. Lembre de datas festivas, aproveite os acontecimentos noticiados pela mídia ligados ao seu ramo, aproxime-se, sempre que possível, de sua rede de relacionamentos. Dialogue com cada um para estabelecer diálogos personalizados, adequados os interesses de quem o dá atenção e reuna-os em grupos de interesses afins. Olhe para aquilo que tem a oferecer,  analise se existe algo que possa ser útil  e ofereça, mas sem forçar a barra.

Elegi aqui cinco fatos que podem mudar sua visão sobre a Internet aplicada aos negócios. Há muito, porém, que pode ser feito. Nós sempre estamos atentos ao que há de novo e acreditamos que a vida online, quando bem gerida, pode trazer ganhos incríveis para o micro e pequenos empreendedor interessado em crescer. Como sempre, conte com a gente se precisar.

Deixe seu Comentário

Who are you?

Sua mensagem